Ricardo

Nome: Ricardo

COMISSÂO TÉCNICA

Nome Completo
Ricardo Luis Pozzi Rodrigues
Nascimento
23/05/1976
Idade
41
Naturalidade
São Paulo/SP

Informações:


Carreira como jogador
A história de Ricardo Luis Pozzi Rodrigues com o futebol começou muito antes de ele pensar em ser treinador. Nasceu em São Paulo em maio de 1976, mas foi na capital paranaense Curitiba que começou a se destacar no esporte ainda na infância. Fez parte de uma grande geração vinda do futsal que, além dele, revelou outros nomes de destaque, como os meias Alex (ex-Coritiba, Palmeiras e Fenerbahçe, da Turquia) e Tcheco (ex-Paraná, Grêmio, Corinthians e Coritiba).

Ricardinho começou nos gramados na categoria de base do Paraná Clube. Meio-campo habilidoso, em 1995 já era atleta profissional. Depois de ajudar a equipe curitibana a conquistar três títulos estaduais, seguiu para a primeira das três passagens que teve no exterior. Atuou pelo Bordeaux, da França, entre 1997 e 1998. No Middlesbrough, da Inglaterra, esteve em 2004. Levantou uma Taça da Turquia quando defendeu o Beşiktaş, entre 2006 e 2008. Jogou ainda pelo Al-Rayyan, do Catar, entre 2008 e 2009.

No Brasil, Ricardinho viveu uma das grandes fases da equipe do Corinthians, entre o fim dos anos 90 e início dos anos 2000. Com o clube paulistano, conquistou dois títulos estaduais, um Rio-São Paulo, uma Copa do Brasil, dois Brasileiros e um Mundial de Clubes da Fifa. Também foi  campeão nacional com o Santos, em 2004. O último título da carreira também foi no país, em 2010, campeão estadual com o Atlético Mineiro.

Encerrou a carreira no fim de 2011. Em 762 jogos como profissional, venceu 376 e empatou outros 172. Marcou 154 gols. Realizou o sonho da maioria dos jogadores brasileiros, ao conquistar com a Seleção na Copa do Mundo de 2002, no Japão e na Coréia. Vestiu a Amarelinha também no Mundial da Alemanha, em 2006. Em 22 partidas pelo Brasil, marcou um gol.

Equipes que defendeu como jogador:
Paraná Clube (1995 a 1997), Corinthians (1998 a 2002 e 2006), São Paulo (2002 a 2004), Middlesbrough-ING (2004), Santos (2004 a 2006), Beşiktaş-TUR (2006 a 2008), Al-Rayyan-CAT (2008 a 2009), Atlético Mineiro (2010 a 2011) e Bahia (2011).

Seleção Brasileira:
Entre 2000 a 2006, atuou em 22 partidas. Marcou um gol.

Títulos conquistados:
Campeonato Paranaense (1995, 1996 e 1997), Campeonato Paulista (1999 e 2001), Campeonato Brasileiro (1998, 1999 e 2004), Mundial de Clubes da FIFA (2000), Copa do Mundo (2002), Copa do Brasil (2002), Torneio Rio-São Paulo (2002), Copa da Turquia (2007/08) e Campeonato Mineiro (2010).

Carreira como treinador
Os anos de experiência como jogador foram um dos motivos que trouxeram Ricardinho para um novo desafio, desta vez como treinador. A estreia na nova profissão ocorreu no Paraná Clube, em 2012. E já no primeiro trabalho, conseguiu levar o time paranista da segunda para a primeira divisão estadual.

Antes de completar 90 jogos na nova carreira, o jovem comandante já levantava outra taça: a do Campeonato Pernambucano, pelo Santa Cruz, em 2015. Até então, já havia sido semifinalista da Copa do Nordeste pelo Ceará e do Campeonato Catarinense com o Avaí, ambos em 2013.

Ricardinho está entre os treinadores que passaram por todos os estágios de graduação da CBF e hoje possui licença PRÓ, a mais alta oferecida pela CBF Academy. Até chegar ao Londrina,  esteve à beira do gramado em 140 jogos (58 vitórias e 35 empates). Assume o posto antes ocupado por Cláudio Tencati, que esteve entre 2011 e 2017 no Tubarão.

Equipes que Ricardinho comandou:
Paraná Clube (2012 e 2014), Ceará (2013), Avaí (2013), Santa Cruz (2015), Portuguesa (2016), Tupi (2016) e Londrina (2018).

Títulos como treinador:
Divisão de Acesso do Campeonato Paranaense (2012) e Campeonato Pernambucano (2015).

Fotos e Vídeos

Nenhuma Foto vinculada