Londrina volta a subir no ranking da CBF e tem vaga encaminhada na Copa do Brasil 2018

Tubarão está entre os 40 melhores clubes do país e deve ficar com um lugar na competição

Londrina volta a subir no ranking da CBF e tem vaga encaminhada na Copa do Brasil 2018
O Tubarão do volante Romulo (foto) deve disputar a Copa do Brasil de 2018 (Foto: Gustavo Oliveira/LEC 21-10-2017)

Pelo sexto ano consecutivo, o Londrina Esporte Clube voltou a subir no RNC (Ranking Nacional de Clubes) da CBF (Confederação Brasileira de Futebol). O Tubarão, que até 2013 ocupava o modesto 141º lugar na medição, vai para 2018 já entre os 40 clubes mais bem posicionados do país. Com isso, deve ter uma vaga assegurada na Copa do Brasil de 2018.

Com 3.707 pontos, o Alviceleste é o 40º colocado do Ranking Nacional de Clubes de 2018. Os londrinenses subiram cinco posições e somaram 713 pontos a mais em relação ao ranqueamento divulgado no fim do ano passado e que foi utilizado em 2017. Palmeiras e Cruzeiro dividem a liderança do RNC 2018, com 15.288 pontos cada. Grêmio (15.092), Santos (14.884), Atlético Mineiro (14.312) fecham os cinco primeiros. Veja aqui a lista completa divulgada pela CBF.

Como funciona
Criado em 2003, o Ranking Nacional de Clubes leva em conta apenas as competições organizadas pela própria CBF. A partir de 2013, passou por uma reformulação e deixou de ser um ranking histórico para levar em conta apenas o desempenho das equipes nos Campeonatos Brasileiros da Série A, B, C e D, além da Copa do Brasil.

O campeão da Série A soma 800 pontos, enquanto que o da Série B fica com 400. O vencedor da Série C leva 200 pontos e o da Série D ganha 100 pontos. Já o campeão da Copa do Brasil conta 600 pontos para o RNC. As conquistas recentes também têm peso maior. Não só os campeões pontuam. As posições intermediárias também contam.

Copa do Brasil de 2018
Com a nova posição no Ranking Nacional de Clubes, o LEC deve assegurar uma vaga na Copa do Brasil do ano que vem. Dos 91 participantes do torneio, 70 deles vêm de competições estaduais, um da Copa do Nordeste, um da Copa Norte, um da Série B e mais aqueles que se classificaram para a Copa Libertadores de 2018. As vagas restantes são distribuídas conforme o RNC.

De acordo com o ranking, Atlético Goianiense, Boa Esporte, Bragantino, Figueirense, Joinville, Juventude, Londrina, Náutico, Oeste e Paraná Clube são as equipes que ficaram com essas vagas.

Com a presença londrinense sendo confirmada, esta será a 11ª  vez que o Tubarão disputa a Copa do Brasil. Na melhor delas, chegou às quartas de final em 1993. Em 31 jogos no total, venceu 12 e empatou seis.

A CBF divulga oficialmente a relação dos clubes participantes da Copa do Brasil de 2018 na quinta-feira (14) da semana que vem. Na sexta-feira (15), ocorre na sede da entidade o sorteio para a definição dos duelos. Por estar entre os 40 clubes mais bem colocados no RNC, o Londrina inicia a disputa fora de casa contra um dos clubes que estão em posição pior no ranking.

Na primeira fase, o jogo é único. Com um empate, o LEC avança na competição. Para 2018, o gol marcado fora de casa passa a não contar mais como critério de desempate. E caso o campeão seja uma equipe que saiu da primeira fase, vai faturar em prêmios até R$ 68,7 milhões.

Foto: Gustavo Oliveira/ Londrina Esporte Clube
Subindo no Ranking da CBF, o Tubarão do goleiro César (foto) saiu do 141º lugar de 2013 para o 40º em 2018
Foto: Gustavo Oliveira/ Londrina Esporte Clube



Confira as equipes que devem participar da Copa do Brasil de 2018

Acre
Atlético Acreano (1º colocado Campeonato Acreano de 2017)
Rio Branco (2º colocado Campeonato Acreano 2017)

Alagoas
CRB (1º colocado Campeonato Alagoano de 2017)

CSA (2º colocado Campeonato Alagoano de 2017)
ASA (3º colocado Campeonato Alagoano de 2017)

Amapá

Santos (1º colocado Campeonato Amapaense)
 

Amazonas
Manaus (1º colocado Campeonato Amazonense de 2017)
Nacional (2º colocado Campeonato Amazonense de 2017)

 

Bahia
Bahia (1º colocado Copa do Nordeste de 2017)
Vitória (1º colocado Campeonato Baiano de 2017)
Fluminense de Feira de Santanta (3º colocado Campeonato Baiano de 2017)
Vitória da Conquista (4º colocado Campeonato Baiano de 2017)

 

Ceará
Ceará (1º colocado Campeonato Cearense de 2017)
Ferroviário (2º colocado Campeonato Cearense de 2017)
Floresta (1º colocado Copa Fares Lopes de 2017)

 

Distrito Federal
Brasiliense (1º colocado Campeonato Brasiliense de 2017)
Ceilândia (2º colocado Campeonato Brasiliense de 2017)

 

Espírito Santo
Atlético Itapemirim (1º colocado Campeonato Capixaba de 2017)

 

Goiás
Goiás (1º colocado Campeonato Goiano de 2017)
Vila Nova (2º colocado Campeonato Goiano de 2017)
Aparecidense (3º colocado Campeonato Goiano de 2017)
Atlético Goianiense (20º colocado Ranking de Clubes da CBF 2018)

 

Maranhão
Sampaio Corrêa (1º colocado Campeonato Maranhense de 2017)
Cordino (2º colocado Campeonato Maranhense de 2017)

 

Mato Grosso
Luverdense (Campeão da Copa Verde de 2017)
Cuiabá (1º colocado Campeonato Mato-Grossense de 2017)
Sinop (2º colocado Campeonato Mato-Grossense de 2017)
Dom Bosco (2º colocado Copa FMF de 2017)

 

Mato Grosso do Sul
Corumbaense (1º colocado Campeonato Sul-Mato-Grossense de 2017)
Novoperário (2º colocado Campeonato Sul-Mato-Grossense de 2017)

 

Minas Gerais
Cruzeiro (1º colocado Copa do Brasil de 2017)
Atlético Mineiro (9º colocado Campeonato Brasileiro de 2017)
América-MG (1º colocado Campeonato Brasileiro da Série B de 2017)
URT (4º colocado Campeonato Mineiro de 2017)
Caldense (5º colocado Campeonato Mineiro de 2017)
Uberlândia (6º colocado Campeonato Mineiro de 2017)
Boa Esporte (38º colocado Ranking Clubes CBF 2018)

 

Pará
Paysandu (1º colocado Campeonato Paraense de 2017)
Remo (2º colocado Campeonato Paraense de 2017)
Independente Tucuruí (3º colocado Campeonato Paraense de 2017)

 

Paraíba
Botafogo-PB (1º colocado Campeonato Paraibano de 2017)
Treze (2º colocado Campeonato Paraibano de 2017)

 

Paraná
Coritiba (1º colocado Campeonato Paranaense de 2017)
Atlético Paranaense (2º colocado Campeonato Paranaense de 2017)
Cianorte (3º colocado Campeonato Paranaense de 2017)
Paraná Clube (28º colocado Ranking Clubes CBF 2018)
Londrina (40º colocado Ranking Clubes CBF 2018)

 

Pernambuco
Sport (1º colocado Campeonato Pernambucano de 2017)
Salgueiro (2º colocado Campeonato Pernambucano de 2017)
Santa Cruz (3º colocado Campeonato Pernambucano de 2017)
Náutico (32º colocado Ranking Clubes CBF 2018)

 

Piauí
Altos (1º colocado Campeonato Piauiense de 2017)
Parnahyba (2º colocado Campeonato Piauiense de 2017)

 

Rio de Janeiro
Flamengo (6º colocado do Campeonato Brasileiro de 2017)
Vasco da Gama (7º colocado do Campeonato Brasileiro de 2017)
Fluminense (2º colocado do Campeonato Carioca de 2017)
Botafogo (4º colocado do Campeonato Carioca de 2017)
Nova Iguaçu (5º colocado do Campeonato Carioca de 2017)
Madureira (6º colocado do Campeonato Carioca de 2017)
Boavista (1º colocado da Copa Rio de 2017)

 

Rio Grande do Norte
ABC (1º colocado do Campeonato Potiguar de 2017)
Globo (2º colocado do Campeonato Potiguar de 2017)
América-RN (3º colocado do Campeonato Potiguar de 2017)

 

Rio Grande do Sul
Grêmio (1º colocado da Copa Libertadores de 2017)
Novo Hamburgo (1º colocado do Campeonato Gaúcho de 2017)
Internacional (2º colocado do Campeonato Gaúcho de 2017)
Caxias (3º colocado do Campeonato Gaúcho de 2017)
Aimoré (2º colocado da Copa Paulo Sant'Ana de 2017)
Juventude (33º colocado Ranking Clubes CBF 2018)

 

Rondônia
Real Ariquemes (1º colocado do Campeonato Rondoniense de 2017)

 

Roraima
São Raimundo (1º colocado do Campeonato Roraimense de 2017)

 

Santa Catarina
Chapeconense (8º colocado do Campeonato Brasileiro de 2017)
Avaí (2º colocado do Campeonato Catarinense)
Criciúma (3º colocado do Campeonato Catarinense)
Brusque (4º colocado do Campeonato Catarinense)
Atlético Tubarão (1º colocado da Copa Santa Catarina)
Figueirense (19º colocado Ranking Clubes CBF 2018)
Joinville (30º colocado Ranking Clubes CBF 2018)

 

São Paulo
Corinthians (1º colocado do Campeonato Brasileiro de 2017)
Palmeiras (2º colocado do Campeonato Brasileiro de 2017)
Santos (3º colocado do Campeonato Brasileiro de 2017)
Ponte Preta (2º colocado do Campeonato Paulista de 2017)
São Paulo (4º colocado do Campeonato Paulista de 2017)
Ituano (1º colocado do Campeonato Paulista do Interior de 2017)
São Caetano (1º colocado do Campeonato Paulista da Segunda Divisão de 2017)
Internacional de Limeira (1º colocado da Copa Paulista de 2017)
Bragantino (35º colocado Ranking Clubes CBF 2018)
Oeste (37º colocado Ranking Clubes CBF 2018)

 

Sergipe
Confiança (1º colocado do Campeonato Sergipano de 2017)
Itabaiana (2º colocado do Campeonato Sergipano de 2017)

 

Tocantins
Interporto (1º colocado do Campeonato Tocantinense de 2017)

Autor: Gustavo Oliveira/ Assessoria de imprensa LEC

Voltar à página anterior

DEIXE SEU COMENTARIO